Ultimas Notícias

Voltar

Audiências no Cejusc-CAP e Sedic tratam de indenizações a terceirizados da saúde do Rio

Sedic 2020
Data de criação: 11/2/2020 10:09:00

Nesta segunda-feira (10/2), organizações sociais (OSs), sindicatos de profissionais da categoria da saúde e representantes do Município do Rio de Janeiro se reuniram no prédio-sede do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ), em audiências de conciliação cujo objetivo foi tratar de desdobramentos das paralisações na área da saúde do município, deflagradas no final do ano passado. As audiências, que ocorreram no âmbito do Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Soluções de Disputas da Capital (Cejusc-CAP) de Segundo Grau e na Seção Especializada em Dissídios Coletivos (Sedic), foram presididas pelo vice-presidente do TRT/RJ, desembargador Cesar Marques Carvalho, e contaram com a participação do Ministério Público do Trabalho (MPT), representado pela procuradora Debora Da Silva Felix.

Na pauta de reivindicações dos trabalhadores constam itens como o pagamento dos salários de dezembro e das rescisões dos empregados dispensados, além da recontratação de parte da mão-de-obra pela empresa pública Rio Saúde. Também foram feitas denúncias de demissões efetuadas no período de greve, o que havia sido vetado em audiências anteriores, sob pena de multa.

O desembargador Cesar Marques Carvalho definiu prazo para que as OS’s prestem contas dos valores repassados pelo município, com o objetivo de quitar as verbas rescisórias ainda pendentes. Além disso, foi determinado o repasse de R$ 15.726.680,51 milhões - relativos a valores do município transferidos pela União - para pagamento das rescisões dos terceirizados do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (IABAS), lotados nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Costa Barros, Madureira e Vila Kennedy.

Cejusc
Audiência no Cejusc-CAP, que foi realizada no período da manhã.

 

ASSINATURA AIC