Últimas Notícias

Voltar

BIBLIOTECA DO TRT/RJ RECEBERÁ ACERVO DA ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO DO TRABALHO

Data de criação: 24/9/2019 17:15:00

Desembargador Jorge Orlando Ramos, presidente do TRT/RJ, José Martins Junior e presidente da ABDT, João de Lima FilhoO Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) recebeu na tarde desta terça-feira (24/9) a visita do presidente da Academia Brasileira de Direito do Trabalho (ABDT), João de Lima Teixeira Filho. O acadêmico foi recebido pelo presidente do TRT/RJ, desembargador José da Fonseca Martins Júnior, em seu gabinete, no prédio-sede do Regional.  

O encontro contou com a presença do presidente da Comissão de Biblioteca do Tribunal, desembargador Jorge Orlando Sereno Ramos, e tratou de detalhes para a transferência do acervo bibliográfico da ABDT para o TRT/RJ, que ocorrerá em data a ser definida.

O patrimônio da entidade, fundada em 1978, reúne livros e documentos que resgatam passagens históricas da Justiça do Trabalho. Entre elas, a trajetória do jurista Arnaldo Süssekind, ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) de 1965 a 1971, e que dá nome ao prédio-sede do TRT/RJ.

SAIBA MAIS

A Biblioteca do TRT/RJ começou a ser organizada em 1962. Em abril de 1976, foi registrada no Conselho Regional de Biblioteconomia com o nome de Biblioteca Ministro Carvalho Júnior, em homenagem a Joaquim Máximo de Carvalho Júnior, primeiro juiz presidente do Tribunal (1946-1951).

A Biblioteca é responsável, por exemplo, por adquirir material bibliográfico para compor o acervo do TRT/RJ e ser utilizado em estudos e pesquisas técnicas referentes ao Direito do Trabalho e matérias afins. Também oferece diversos serviços, como atendimento e consulta no local; empréstimo domiciliar para os usuários internos, de acordo com o regulamento; pesquisa bibliográfica; pesquisa de legislação; consulta por telefone e e-mail; empréstimo entre bibliotecas; e reserva de material bibliográfico.

Atualmente, devido à transferência da Biblioteca Ministro Carvalho Junior para instalações provisórias na Avenida Augusto Severo, nº 84, na Glória, o atendimento ao público externo encontra-se suspenso. Parte do acervo está disponível para consultas e empréstimos apenas a magistrados e servidores.

 

assinatura da aic